Projeto de horta é desenvolvido com famílias beneficiárias de programas sociais

Trezes famílias do Assentamento 25 de Novembro aderiram à iniciativa

A produção de alimentos saudáveis para as refeições sairá do quintal de casa direto para o prato de treze famílias do interior de Capão Bonito do Sul. O projeto da construção e manutenção de uma horta está sendo realizado pelo Centro de Referência de Assistência Social com beneficiários de programas sociais do município. As famílias que aderiram à iniciativa, fazem parte dos programas federais Auxílio Brasil (antigo Bolsa Família) e Benefício de Prestação Continuada (BPC).

O projeto consiste na construção de um espaço nas residências, onde o CRAS repassou o material para o cercamento da horta, além das mudas de hortaliças para o cultivo. As treze famílias pertencem à comunidade do Assentamento 25 de Novembro, onde a iniciativa está sendo desenvolvida neste momento. A horta é uma forma de capacitação dos moradores, incentivando a produção de alimentos sem agrotóxicos e o seu aproveitamento integral pela própria família.

De acordo com a assistente social de Capão Bonito do Sul, Fernanda Damini, que acompanha as famílias e coordena o projeto, o CRAS incentivou as famílias a construírem suas hortas ou àqueles que já tinham, forneceu subsídios para melhorarem suas estruturas. “Um dos objetivos do projeto é dar mais amparo às famílias. Oferecer a estrutura e as mudas de hortaliças e verduras para eles produzirem seus próprios alimentos e complementarem as refeições e até a renda no dia a dia”, pontua.

A iniciativa, em fase inicial no Assentamento 25 de Novembro,  deverá ser ampliada, por etapas, aos demais beneficiários dos programas sociais de outras comunidades do interior do município. Cerca de 200 mudas de verduras e hortaliças deverão ser destinadas às treze famílias para plantarem em suas hortas, cuja estrutura mede 40m².

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.